facebook-domain-verification=uxmwhnyiaigk01sivz4y3bbph37qzq
top of page
Design sem nome - 2022-09-21T220119.866.png

Cirurgia da Rinite

A Rinite é uma inflamação da mucosa nasal de causa infecciosa, alérgica ou irritativa. A principal forma de apresentação é a RINITE ALÉRGICA em que os pacientes apresentam os sintomas de Obstrução nasal, secreção nasal hialina, espirros e prurido (coceira) no nariz.

A Rinite Alérgica é uma doença crônica em que o principal objetivo do tratamento é controlar as crises alérgicas recorrentes. Normalmente utilizamos anti-histamínicos, corticóides nasais, anti-leucotrienos e, em alguns casos, corticóides orais.

A cirurgia da Rinite, também conhecida como TURBINECTOMIA PARCIAL, é indicada para aqueles casos em que os sintomas de Obstrução nasal ( nariz entupido) persistem mesmo após o melhor tratamento. A TURBINECTOMIA é a remoção parcial dos cornetos (ou cartuchos) que ficaram inchados devido à constantes crises de rinite.

 A Turbinectomia atualmente é realizada por vídeo-endoscopia nasal e ocorre sob anestesia geral. Não há cortes externos, portanto, não deixa cicatrizes. A recuperação pós-operatória ocorre de 5 a 7 dias. A depender de cada caso, podemos realizar essa cirurgia associada, como por exemplo,  a Cirurgia da Sinusite (SINUSECTOMIA) e a do Desvio de Septo Nasal (Septoplastia).

bottom of page